Startup aposta na venda de comidas congeladas pela web

| 14/10/2013 - 10:10 AM | Comentários (0)

comida

© Marco Mayer – Fotolia.com

Aliando praticidade a comida saudável e um paladar requintando, o Boa Gula chega ao e-commerce com foco em comidas congeladas. O serviço é destinado a pessoas que procuram uma alimentação diferenciada, mas não possuem tempo no dia a dia para cozinhar pratos elaborados. Algumas das opções do cardápio da empresa incluem Hambúrguer com Arroz Integral e Berinjela Napolitana e Nhoque de Ricota e Espinafre com Molho de Tomate Rústico.

Sócia-fundadora da Boa Gula, Denise Braga comenta o que norteia a filosofia da empresa na hora de conceber as refeições: “Queremos entregar ao cliente pratos livres de gordura trans, com baixos teores de sódio e açúcar, sem deixar de preservar o gosto e a qualidade nutricional dos alimentos, garantindo o prazer da hora da refeição”, explica. Além das opções para adultos, a empresa também comercializa uma papinha exclusiva, criada especialmente para auxiliar no desenvolvimento do paladar das crianças.

Para utilizar o serviço, o cliente precisa acessar o site do Boa Gula, escolher um pedido dentre o rol de pratos e clicar em “Minha sacola” para, posteriormente, finalizar a compra: “A partir desse passo, o usuário escolhe de forma segura e tranquila sua forma de pagamento. Nossa equipe recebe, confere e prepara o pedido. Pronto, um motoboy irá realizar a entrega em breve”, explica Braga, ao E-Commerce News.

Além dos pratos individuais, o site oferece kits, que consistem em um grupo de refeições, elaboradas de acordo da rotina do consumidor, como o kit reforçado, para pessoas que praticam atividades físicas ou têm um dia agitado, e o kit light, preparado para quem quer refeições com menos calorias. Também é possível criar o próprio prato, selecionando individualmente os alimentos que ele vai conter, através de uma seção específica no site.

Para chegar aos pratos disponíveis hoje pela empresa, Braga revela que as sócias testaram cada combinação à exaustão, provando todas as refeições do cardápio uma miríade de vezes: “Chegávamos a passar umas dez horas por dia no fogão!”, relembra. “E como fazemos questão de padronização, elaboramos uma ficha técnica de cada prato. Por exemplo, a baixa quantidade de sódio nos alimentos que cozinhamos é fundamental, então a quantidade de sal é exata. Se o ponto ideal é 1,007 grama de sal, essa é a quantidade que o prato vai conter, não importa quantas vezes nós o prepararmos”, comenta.

Atendendo, essencialmente, às zonas sul, oeste e centro de São Paulo em um primeiro momento, a executiva espera que o serviço se popularize no futuro: “O nosso objetivo é chegar a vender 200 refeições por dia, no final em três meses”, conclui.

Tags: , , , ,

Categoria: Lançamentos

Sobre E-Commerce News: Fundado no ano de 2009, o E-Commerce News é um site projetado para profissionais de todas as áreas, interessados nos mais recentes conteúdos sobre o e-commerce no Brasil e no mundo. Ver mais artigos deste autor.

Comente esta Matéria




Para incluir uma imagem ao lado do seu comentário, registre-se em Gravatar.