5 motivos para investir em vendas fora da sua loja virtual

Tecla de marketplace

Escolher a plataforma de venda do seu e-commerce é uma das maiores decisões de um gestor. Muitos acabam optando pela loja virtual própria sem estudar uma alternativa — o marketplace, que pode ser a melhor opção para alguns negócios. Esses 5 motivos para investir em vendas fora da sua loja virtual irão ajudá-lo nessa importante decisão.

1 – Esse modelo se encaixa melhor no seu orçamento.

A plataforma de e-commerce é um ambiente altamente customizável e exclusivo. Você tem total liberdade para deixar sua loja online com a sua cara, no entanto isso vem com um preço que nem todos podem arcar inicialmente: é preciso gastar mais com a criação da loja e a sua manutenção, além dos custos de marketing e outras ferramentas necessárias para a divulgação.

No entanto, o marketplace dispensa esse investimento de tempo e dinheiro, o que o faz ser uma ótima opção para quem está entrando no mercado. Se você quer vender rápido gastando menos, o marketplace é para você.

2 – Montar sua loja em um marketplace é um processo prático e rápido

Diferente da loja virtual, o marketplace não precisa ser criado: ele já está pronto para uso — você só precisa configurá-lo para começar a vender. Utilizando as próprias ferramentas da plataforma, você poderá montar sua vitrine e expor seus produtos em poucos passos.

A interface dos marketplaces é simples e intuitiva, tanto para a sua configuração quanto para o acesso de seus clientes. Isso o ajudará a criar uma boa experiência de compra, agradável e sem complicações, que será mais um motivo para estimular a volta de seus consumidores.

Além disso, o marketplace possui equipes de atendimento ao cliente, que podem auxiliar caso você tenha alguma dificuldade durante a configuração da loja ou durante as vendas, e servidores preparados para lidar com grandes volumes de armazenamento de dados e acessos, garantindo que sua loja nunca saia do ar.

Facilidade e rapidez de configuração, interface simples e eficaz e segurança de operação no mesmo lugar — isso é um marketplace.

3 – É o lugar perfeito para começar a vender imediatamente.

Inside Banner Mandaê
Smarthint

Os marketplaces são como “shoppings virtuais” de renome, onde  grandes marcas expõem seus produtos. Muito utilizados pelo público, são geralmente a primeira opção de quem procura por algo específico ou apenas quer “dar uma olhadinha” nas ofertas — uma bela oportunidade para ganhar alcance e conquistar a confiança de seus consumidores em potencial.

Imagine vender em grandes players, como os do grupo B2W (Americanas.com, Submarino e Shoptime), por exemplo, expondo sua marca e seus produtos em plataformas com amplo alcance nacional e grandes bases de clientes. Você também pode aproveitar a expertise em marketing dos próprios marketplaces, agregada ao valor investido, para ajudar a impulsionar suas vendas.

4 – O marketplace ajuda a aumentar suas conversões

No mundo do comércio eletrônico, não basta ter o melhor produto: é preciso compreender seu público e trazê-lo até você para conseguir vender. Para isso, você precisa se certificar de que sua loja esteja atraindo o público certo no momento certo, e que eles estejam convertendo, ou seja, comprando seus produtos.

O marketplace pode ser um grande aliado nesse momento, pois possui uma boa variedade de itens disponíveis, concentrando diferentes tipos de consumidores no mesmo lugar e diminuindo as chances de usuários chegarem até eles enquanto procuravam por outra coisa.

Com ele, você também tem acesso a sistemas que o ajudam a aumentar as vendas, como acompanhamento de preços e suporte aos sellers, garantindo que sua loja funcione de acordo com as diretrizes da plataforma. Isso é ideal para quem quer melhorar sua operação e manter o negócio alinhado e funcionando a todo vapor.

5 – Você pode alcançar seu público mais rápido

Uma prática muito usada para atrair pessoas às lojas virtuais é investir em táticas de SEO e SEM. Elas consistem em posicionar bem a loja no rankeamento do Google, aumentando o número de visitantes e compradores potenciais.

O marketplace facilita essa estratégia e otimiza o processo. Com ele você é capaz de obter resultados e alcance com maior velocidade, podendo inclusive juntar dinheiro e abrir um e-commerce mais tarde, quando seu negócio já estiver consolidado — sem deixar de vender enquanto isso. Nesse caso, sua loja começaria com você no topo, em vez de começar por baixo e ir crescendo aos poucos.

Utilize estas dicas para decidir qual é a melhor opção para o seu negócio. Mas lembre-se de ficar sempre de olho no mercado, no seu público e, principalmente, no seu orçamento. Informe-se e escolha o melhor para a sua empresa. Boa sorte!

Vinícius Louzada

Vinícius Louzada é Gestor de conteúdo e inbound marketing da SOFTVAR, empresa de ERP há mais de 10 anos no mercado. Especializado na produção de artigos para gestão de e-commerce.

  • Todos Fornecedores
  • Armazenamento
  • Consultoria
  • Entrega
  • Marketplace
  • Performance
  • Plataformas
    • Gestão de Anúncios
    • Atendimento ao Cliente
    • E-Mail Marketing
    • Sistema de ERP
    • Pagamento Online
    • Mídias Sociais
    • Plataforma de E-Commerce
    • Precificação Dinâmica
    • Vitrine Personalizada
  • Serviços
    • Escola Especializada
    • Logística
    • Agência Especializada
    • Redirecionamento de Encomendas
  • Soluções
 
Moovin
EZ Commerce
Rakuten
Bling
Accesstage
Mailbiz
LojaMestre
E-Goi
Neoassist
DLojavirtual
Dotstore
Ciashop
Seri.e Design
GhFly
E-Millennium
Bis2Bis
Bluefoot
F1soluções
Xtech Commerce
ComSchool
Brasil na Web
Nação Digital
Trezo
E-Commerce Logística
Softvar
World Pay
Socialrocket
Mandaê
E-completo
Eccosys
IHouse Web
Smarthint
 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here