Você sabe o que é Design Thinking?

Nos últimos anos, as mudanças tecnológicas e a globalização influenciaram diretamente no mercado, principalmente no que diz respeito ao e-commerce. Do lado de lá, temos os consumidores expostos a uma gama de produtos com características e funcionalidade parecidas e os mais variados preços. Do lado de cá, temos a massificar da produção para reduzir custos e investimentos para se diferenciar dos demais, ficando, muitas vezes, a mercê dos clientes, porque nem sempre sabemos o que eles querem. O mercado está muito volátil: um produto considerado novo agora, passa a ser desatualizado segundos depois.

A grande dúvida é: como se destacar nesse meio? Sabemos que é preciso chamar a atenção do consumidor através de itens diferenciados e inovadores, mas como fazer isso? Precisa encontrar uma forma de tirar o foco exclusivo do produto e tentar proporcionar uma experiência única e incrível ao cliente, suprindo suas exigências e fazendo-o superar sua expectativa para tentar conquistar a fidelidade dele à marca.

Se o filósofo holandês Spinoza pudesse nos dar um conselho, diria para utilizarmos o afeto. Segundo ele, o afeto é um sentimento que acomete o corpo e a alma e se origina do encontro entre os seres, podendo aumentar ou diminuir nossa potência de agir. Ou seja, para desviar da concorrência e se sobressair, as empresas precisam criar modelos de negócio inovadores, apostando em um relacionamento mais próximo e humano, com contato emocional com o cliente para aumentar o afeto e, consequentemente, deixar positiva a potência de agir – as empresas estão apostando no afeto.

O que é?

O Design (em si) é uma área que tem por objetivo identificar a causa dos problemas e propõe alterações para garantir o bem-estar das pessoas, assim, tudo o que prejudica ou impede a experiência (emocional, cognitiva e estética) e o conforto da pessoa é visto como um problema e necessita ser solucionado.

É justamente na forma como o designer utiliza os processos criativos e cognitivos (na forma como os designers percebem as coisas e agem sobre elas) que surge o “Design Thinking”. Parece algo redundante, mas não é. O conceito revoluciona a forma como as soluções são encontradas, apostando na inovação através da criatividade, focada nas necessidades reais do mercado (e não em pressuposições estatísticas).

Performa.AI
olist

Da mistura entre arte, tecnologia e ciência, nasce essa abordagem prática-criativa, que tem como objetivo encontrar soluções para os problemas e desafios, com um pensamento bastante antropocêntrico na hora de produzir o produto e utilizando os processos de reflexão e livre expressão, tudo para garantir a inovação.

A solução dos problemas deve ser feita de forma coletiva e colaborativa, tentando mapear e mesclar as mais diversas experiências e visão de mundo, para ter diversos pontos de vista diferentes e tentar chegar o mais perto possível da realidade do problema.

A popularização do termo aplicada aos negócios foi creditada a duas personalidades do Vale do Silício: David Kelley, professsor da Universidade de Stanford que fundou a consultoria de inovação IDEO, e seu colega Tim Brown, atual CEO desta mesma consultoria e autor de Change by Design. Segundo Tim Brown: “Precisamos de novas escolhas – novos produtos que equilibrem as necessidades de indivíduos e da sociedade como um todo; novas ideias que lidem com os desafios globais de saúde, pobreza e educação; novas estratégias que resultem em diferenças que importam e, um senso de propósito que inclua todas as pessoas envolvidas […] Precisamos de uma abordagem à inovação que seja poderosa, eficaz e amplamente acessível, que possa ser integrada a todos os aspectos dos negócios e da sociedade e que indivíduos e equipes possam utilizar para gerar ideias inovadoras que sejam implementadas e que, portanto, façam a diferença”.

Futuro do mercado

O Design Thinking não é uma especialidade voltada somente para as pessoas formadas em design. Muitas pessoas das mais diversas áreas que entenderam a importância dessa abordagem, estão se especializando nisso, incorporando-a em suas atividades e valorizando seu currículo, desenvolvendo uma maturidade profissional e modo e pensar diferenciado. Ele é responsável por mudar o pensamento das empresas, deixando-o mais humano, focado na empatia com o consumidor e na capacidade criativa do profissional (sua formação deixou de ser o mais importante, a empresas estão atrás de pessoas criativas).

Por sua vez, as empresas estão aderindo e reconhecem a importância do design Thinking no auxílio para tomar decisões com menores chances de erro e mais soluções inovadoras, portando, estão se deixando ser reinventadas. A tendência do mercado é que as empresas passem a contratar apenas os profissionais que “pensam como designer”, que sejam inovadores e ágeis, valorizando sua bagagem de vida e cultural, mais do que seu currículo.

No exterior, o Desing Thinking vem transformando o mercado. Eles captaram a essência desse modelo de trabalho e enxergaram sua potência de transformação nos relacionamentos, tanto dentro quanto fora das empresas. Não é à toa que está se tornando requisito para contratação em empresas, além de começar a tomar espaço nos MBA das grandes faculdades, tais como Stanford, Berkeley, Northwestern, Harvard, MIT, entre outras.

Felipe Martins possui mais de 10 anos de experiência com internet e é fundador e presidente da empresa Dotstore, especializada em desenvolvimento e assessoria na criação de lojas virtuais. Atendendo pequenas, médias e grandes empresas, atualmente conta com uma carteira de quase 1000 lojistas utilizando sua plataforma das mais diversas maneiras possíveis.
  • Todos Fornecedores
  • Armazenamento
  • Consultoria
  • Entrega
  • Marketplace
  • Performance
  • Plataformas
    • Gestão de Anúncios
    • Atendimento ao Cliente
    • E-Mail Marketing
    • Sistema de ERP
    • Pagamento Online
    • Mídias Sociais
    • Plataforma de E-Commerce
    • Precificação Dinâmica
    • Vitrine Personalizada
  • Serviços
    • Escola Especializada
    • Logística
    • Agência Especializada
    • Redirecionamento de Encomendas
  • Soluções
 
Moovin
EZ Commerce
Rakuten
Bling
Accesstage
Mailbiz
LojaMestre
E-Goi
Neoassist
DLojavirtual
Dotstore
Ciashop
Seri.e Design
GhFly
E-Millennium
Bis2Bis
Bluefoot
F1soluções
Xtech Commerce
ComSchool
Brasil na Web
Nação Digital
Trezo
E-Commerce Logística
World Pay
Socialrocket
E-completo
Precode
IHouse Web
Smarthint
JET e-business
Ciclo
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.