10 soluções de CDN para operações de ecommerce

| 20/12/2016 - 09:35 AM | Comentários (0)

Toda loja virtual quer oferecer uma navegação rápida aos usuários que chegam até o site em busca de produtos do seu interesse. Nesse sentido, o investimento em tecnologia para melhorar a performance da operação é sempre bem-vindo. Para prover a distribuição de conteúdo ao usuário de forma mais ágil, segura e com mais disponibilidade, o Content Delivery Network é boa opção.

Estima-se que até 30% de todo o tráfego da internet passe pelos CDNs. No e-commerce, essa tecnologia permite fornecer mais agilidade no acesso dos usuários à loja, independentemente de onde essa pessoa se encontre geograficamente. Abaixo, listamos algumas empresas que oferecem esse tipo de serviço e os diferenciais de cada uma:

Exceda

A Exceda possui uma rede de mais de 100 mil servidores, o que significa que, caso haja algum imprevisto e um servidor pare de funcionar, os outros milhares restantes servem bem o conteúdo dos sites sem nenhuma interrupção. Isso representa praticamente 100% de disponibilidade. Somente no Brasil são mais de 2 mil  servidores. O portfólio de aceleração de aplicativos, segurança e streaming da Exceda utiliza uma plataforma dedicada, globalmente distribuída e escalável. Entre os benefícios oferecidos pela solução de CDN da Exceda, estão: capacidade ilimitada, com uso sob demanda; recursos de “caching” distribuídos e totalmente parametrizados; compressão de conteúdo reduzindo volume e tempo de transmissão da informação; funções de segurança contra ataques de hackers, entre outros. Editora Abril, Lojas Americanas, EMBRAER, Rede Globo, Carrefour e Cielo são algumas das empresas que fazem ou já fizeram uso dos serviços da Exceda.

Verizon     

O CDN Verizon promete uma taxa de navegação mais rápida e com menor tempo de carregamento.  Com servidores proxy espalhados de forma global através de dezenas de datacenters, o CDN Verizon garante alta disponibilidade e um caminho mais curto para o acesso de conteúdo pelos usuários em diferentes dispositivos, seja ele vídeo, página da web, anúncios mobile ou transmissões ao vivo.  Le Novo, Mercedes-Benz, Yahoo!, Pinterest e até a Disney são algumas das empresas que já experimentaram o serviço de CDN da Verizon.

Amazon CloudFront

O Amazon CloudFront se integra a outros produtos da Amazon Web Services para oferecer aos desenvolvedores e às empresas uma maneira prática de acelerar a entrega de conteúdo para usuários finais, sem compromisso mínimo de utilização. No sistema, o conteúdo é organizado em distribuições. Uma distribuição especifica a localização ou localizações da versão original dos arquivos. Uma distribuição tem um nome de domínio CloudFront.net exclusivo (por ex., abc123.cloudfront.net) que pode ser usado para fazer referência aos objetos por meio da rede global de pontos de presença. Pode-se criar, ainda,  distribuições para fazer download do conteúdo usando os protocolos HTTP ou HTTPS, ou reproduzir o conteúdo usando o protocolo RTMP.

Microsoft Azure

A Rede de Distribuição de Conteúdo do Microsoft Azure oferece aos desenvolvedores uma solução global de fornecimento de conteúdo de alta largura de banda hospedada no Azure ou em qualquer outro local. Os clientes podem selecionar o CDN correto com base em suas necessidades, regiões nos quais eles operam, bem como balancear carga em CDNs. A Rede de Distribuição por Nuvem envia áudio, vídeo, aplicativos, imagens e outros arquivos aos clientes. O sistema mantém sua funcionalidade ao identificar, absorver e bloquear ameaças à segurança para absorver DDoS (ataques de negação de serviço distribuído). São três as modalidades de planos oferecidas: Azure CDN Standard do Akamai, Azure CDN Standard da Verizon e Azure CDN Premium da Verizon.

Rackspace

A CDN da Rackspace pode ser usada para distribuir conteúdo dinâmico, estático, interativo e streaming para 200 locais de borda ao redor do globo. A empresa oferece Suporte Fanático à rede da Akamai, líder do mercado em CDN, para sustentar as cargas de trabalho mais importantes dos clientes.

Os valores praticados pela Rackspace são o total agregado de taxas de largura de banda CDN e taxas por requisição em todas as regiões dos datacenters nos EUA.

Google Cloud CDN

O Google Cloud CDN aproveita os pontos de presença distribuídos globalmente pela Google para acelerar a entrega de conteúdo de sites e aplicativos atendidos pelo Google Compute Engine e Google Cloud Storage. Cloud CDN reduz a latência da rede e origens de descarregamentos. Ao contrário da maioria dos CDNs, o site recebe um único endereço IP que funciona em todos os lugares, combinando o desempenho global com o gerenciamento fácil – nenhum DNS regional se faz necessário.

GoCache

A nuvem GoCache atua para que a carga na infraestrutura web, como em provedores tradicionais de hospedagem, seja minimizada em até 80%, diminuindo consideravelmente o tempo de abertura do site. A solução da GoCache atua também na segurança e diminuição da vulnerabilidade do site, disponibilizando um Web Application Firewall (WAF) que permite proteger a loja contra XSS, SQL Injection, além de filtrar o tráfego por localidade geográfica e IP. O sistema também promete impedir ataques DDoS e syn flood, sem cobrança de valor adicional. A empresa oferece trial de 7 dias e 3 modalidades de planos: Básico, Ideal e Profissional.

Cloudflare

Com a rede de entrega de conteúdo da Cloudflare, não há cobrança adicional por largura de banda. Isso significa que as contas mensais são previsíveis, independentemente da quantidade de tráfego servido. É um CDN que é fácil de configurar e bastante acessível. São quatro tipos de planos oferecidos pela empresa: Free, Pro, Business e Enterprise. Nasdaq, Zendesk e Cisco são algumas das empresas que compõem o portfólio de clientes da Cloudflare.  

CDN 77

A CDN 77 conta com 32 data centers espalhados pelo mundo, sendo 3 na Amércia do Sul. A empresa serve a mais de 19.500 sites, desde empresas de mídia a agências espaciais. A Scania é um dos clientes atendidos pelo CDN 77. O suporte é feito por telefone, e-mail e até skype. Oferece trial de 14 dias.

Maxcdn

Com o sistema de CDN da Maxcdn, as lojas virtuais têm acesso a relatórios e análises em tempo real que abrem margem para a tomada de decisões rápida de acordo com o tráfego dirigido ao site. São três as modalidades de planos oferecidos pela empresa: Enterpreneur, Professional e Custom. Oferece, ainda, versão gratuita para teste por 15 dias.

Tags: , , ,

Categoria: Dicas

Sobre E-Commerce News: Fundado no ano de 2009, o E-Commerce News é um site projetado para profissionais de todas as áreas, interessados nos mais recentes conteúdos sobre o e-commerce no Brasil e no mundo. Ver mais artigos deste autor.

  • Todos Fornecedores
  • Plataformas
    • Atendimento ao Cliente
    • E-Mail Marketing
    • Sistema de ERP
    • Pagamento Online
    • Mídias Sociais
    • Plataforma de E-Commerce
  • Serviços
    • Escola Espelicializada
    • Logística
    • Agência Especializada
    • Redirecionamento de Encomendas
 
Moovin
EZ Commerce
Jet
Rakuten
Bling
Accesstage
Vtex
Mailbiz
LojaMestre
Braspag
E-Goi
Neoassist
Tray
DLojavirtual
Dotstore
Ciashop
Seri.e
Web Jump
GhFly
E-Millennium
Bis2Bis
Bluefoot
F1soluções
Enviou
Xtech Commerce
ComSchool
Brasil na Web
Nação Digital
E-Commerce Logística
Trezo
Softvar
Qwintry
SoS Loja Virtual
 

Comente esta Matéria




Para incluir uma imagem ao lado do seu comentário, registre-se em Gravatar.