Executivos C-suite devem mudar estilo de liderança para engajar novos perfis de funcionários e consumidores, mostra estudo da Accenture

Um supergrupo emergente de funcionários e consumidores está aumentando a pressão sobre os líderes do C-suite que lidam com cenários econômicos, tecnológicos e geopolíticos desafiadores, ameaçando o crescimento das empresas, mostra o novo estudo da Accenture Whole-Brain Leadership: The New Rules of Engagement for the C-suite. O relatório identificou um novo grupo de stakeholders capaz de desestabilizar ou impulsionar empresas. A maioria desses novos stakeholders acredita no seu potencial de destruir o valor das empresas no longo prazo, e os executivos C-suite já entenderam a necessidade de responder à altura.

Os resultados revelam que, combinado a outras forças disruptivas, como tecnologias emergentes e novos entrantes no mercado, esse grupo está motivando a implantação de abordagens mais humanas à liderança por parte do C-suite. Essa abordagem mais abrangente (chamada de whole-brain, em inglês) busca equilibrar habilidades científicas (do lado esquerdo do cérebro) com outras mais criativas (do lado direito do cérebro), como empatia, capacidade de inovação e intuição, que são cada vez mais valorizadas.

Um supergrupo emergente

O estudo identificou um poderoso grupo de funcionários e consumidores – apelidados de ‘desbravadores’ – que representam uma pressão adicional ao C-suite e têm ideias semelhantes sobre as mudanças pelas quais a liderança deve passar. Os dados demográficos surpreendem e incluem pessoas de ambos os sexos das gerações Gen Z aos Baby Boomers.

Os desbravadores têm cinco vezes mais chances de agir contra seus empregadores e 61% já tomaram atitudes disruptivas e verbalizaram sua decepção como consumidores. Para 79% dos desbravadores, as redes sociais aumentaram o alcance de suas vozes dentro das empresas onde trabalham. Outros 71% afirmam que por meio das redes sociais conseguem influenciar o comportamento das empresas das quais consomem.

“O poder de compra e a influência profissional desse grupo, combinado à sua fluência em tecnologias digitais, dão a eles um poder de influência enorme, que não pode mais ser ignorado pelos líderes das empresas”, afirma Katherine LaVelle, diretora geral e líder global da prática de Talent & Organization North America na Accenture Strategy. “Em vez disso, os líderes do C-suite devem focar a aceleração do tipo de mudança necessária para que possam se reposicionar rumo ao sucesso”.

Performa.AI

Procura-se um novo estilo de liderança

Os desbravadores pedem um novo tipo de líder, capaz de engajar suas paixões e capacidades, alguém que equilibre perfeitamente habilidades humanas e analíticas. Para 89% dos executivos C-suite hoje, as formações em negócios, ciência e tecnologia aperfeiçoam habilidades mais racionais, como raciocínio lógico, tomada de decisão e orientação para resultados. Essas habilidades nunca deixarão de ter valor, mas os líderes do C-suite reconhecem a necessidade de incentivar conhecimentos menos racionais para um conjunto de habilidades bem equilibrado. Ao todo, 65% dos entrevistados apontam a falta de habilidades mais criativas como ponto fraco e apenas 8% afirmam que suas empresas usam uma abordagem ‘whole brain’.

No atual ambiente instável dos negócios, esse tipo de equilíbrio já não é opcional. Os líderes do C-suite reconhecem esse fato, e 82% deles afirmam que suas organizações planejam usar abordagens dessa natureza ao longo dos próximos três anos. As empresas que já usam uma abordagem ‘whole brain’ em suas rotinas enxergam um impacto positivo na base e registram faturamento em média 22% superior e rentabilidade 34% maior após as mudanças.

“Os líderes do C-suite estão cientes dos desafios que precisam encarar em nível macroeconômico, da empresa e, agora, pessoal”, diz Peter Lacy, diretor sênior da Accenture Strategy. “A requalificação voltada à mudança do estilo de liderança e que combina dados, criatividade e abordagens mais humanas é fundamental para a construção de empresas duráveis e que gerem crescimento e rentabilidade robustos”.

Os executivos C-suite precisam adotar uma abordagem de liderança ‘whole brain’ e assegurar o futuro das empresas. Abaixo, algumas ações efetivas:

  1. Diminuir a lacuna de habilidades: mudar o mix de habilidades de liderança do alto escalão das empresas irá ajudar a diminuir a lacuna de habilidades atual. Mais da metade das empresas analisadas (55%) já está requalificando os membros do seu C-Suite e 46% estão contratando talentos de fora que possam enfrentar o desafio.
  2. Abrir mão da liderança tradicional: impulsionar o poder do grupo de desbravadores é fundamental. Ao acolhê-los, permitindo que suas opiniões e ideias sejam ouvidas internamente, o C-suite ganhará aliados e a liderança será novamente valorizada. Além disso, esse grupo tem o dobro da probabilidade de escolher uma marca mais cara pelo que ela representa.
  3. Promover mudanças profundas e amplas: Implantar, de forma proativa, as habilidades centradas em dados e no ser humano na liderança das organizações é crucial para a longevidade e competitividade das empresas. O C-suite precisa encontrar o equilíbrio entre essas habilidades e usá-las tanto na esfera profissional, quanto na pessoal.

Para acessar o estudo completo, clique em www.accenture.com/whole-brain-leadership. Siga @AccentureStrat e #CompetitiveAgility para saber mais.

Avatar
Fundado no ano de 2009, o E-Commerce News é um site projetado para profissionais de todas as áreas, interessados nos mais recentes conteúdos sobre o e-commerce no Brasil e no mundo.
  • Todos Fornecedores
  • Armazenamento
  • Consultoria
  • Entrega
  • Marketplace
  • Performance
  • Plataformas
    • Gestão de Anúncios
    • Atendimento ao Cliente
    • E-Mail Marketing
    • Sistema de ERP
    • Pagamento Online
    • Mídias Sociais
    • Plataforma de E-Commerce
    • Precificação Dinâmica
    • Vitrine Personalizada
  • Serviços
    • Escola Especializada
    • Logística
    • Agência Especializada
    • Redirecionamento de Encomendas
  • Soluções
 
Moovin
EZ Commerce
Rakuten
Bling
Accesstage
Mailbiz
LojaMestre
Neoassist
DLojavirtual
Dotstore
Seri.e Design
GhFly
E-Millennium
Bis2Bis
Bluefoot
F1 Commerce
Xtech Commerce
ComSchool
Brasil na Web
Nação Digital
E-Commerce Logística
Socialrocket
Precode
Smarthint
JET e-business
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.