VivaReal aponta que 79% dos brasileiros não encontraram o imóvel que estão buscando

Vendas de imóveis usados na OLX crescem 70% em maio

O VivaReal revela que 79% dos consumidores não encontraram o imóvel desejado desde setembro de 2016. Segundo a “Pesquisa de Expectativas 2º Semestre 2017 – VivaReal”, 65% dos brasileiros que buscam imóveis desejam comprar, 25% alugar e 10% desistiram da compra.

A intenção de compra de imóveis dos 65% de consumidores é dividida em usados (42%) e lançamentos (23%), sendo o tempo médio de efetivação da compra em até 6 meses, ou seja, ainda em 2017. Segundo o consumidor, o financiamento (54%) será a principal forma de pagamento dos imóveis usados, seguido por permuta (24%), pagamento à vista (20%) e consórcio (3%). Para lançamentos, o financiamento também é apontado como a modalidade que será mais usada para levantar o valor e representa 77%, seguido do pagamento à vista (11%), permuta (10%) e consórcio (2%).

Para aqueles que buscam imóvel para aluguel (25%) e ainda não encontraram o novo lar, a pretensão é efetivar a transação por meio de antecipação de parcelas como garantia de pagamentos futuros (50%), seguida do fiador (30%) e do seguro fiança (20%). Mais da metade dos respondentes sinalizaram que concluíram a transação para locação em até 3 meses, dado que este tipo de transação é muito mais rápida que a compra.

A locação representou 49% entre os participantes da pesquisa que já adquiriram a residência nos últimos meses. A compra de imóveis usados teve participação de 28% com descontos médios apontados pelo consumidor de 15,1%. Os lançamentos (novos) representaram 23% das compras e os descontos médios praticados foram de 15,5%.

A Pesquisa de Expectativas 2017 – VivaReal é realizada semestralmente desde dezembro de 2014 e aborda expectativas em relação à situação familiar, cenário econômico e setor imobiliário para os próximos meses. A Pesquisa de Expectativas 2º Semestre 2017 foi realizada com 1.323 Consumidores, 482 Corretores, 432 Imobiliárias distribuídos em 25 estados e 177 cidades do Brasil. Clique aqui para fazer o download do conteúdo.

Inside Banner Mandaê

Conheça as expectativas do consumidor e do mercado imobiliário sobre preços e cenário político

Segundo Lucas Vargas, CEO do VivaReal, o mercado imobiliário deve entender o consumidor para atender essa demanda de 79% de pessoas que ainda não encontraram a casa ideal. “As jornadas de compra da casa própria ou de aluguel são complexas e os recentes fatores macroeconômicos e políticos aumentaram os desafios de um processo demorado e cuja decisão envolve muitas variáveis. Como saída, o setor está se reinventando para melhorar a experiência e o processo de busca, oferecendo serviços personalizados, novas modalidades de pagamento e crescimento de fontes de acesso a crédito”, analisa o executivo.

A incerteza em relação à economia do País representa a opinião de 47% dos consumidores e também do setor imobiliário. O otimismo é presente em 31% das pessoas que estão buscando imóveis e em 39% dos corretores e imobiliárias. Os principais motivos que trazem incerteza aos consumidores pelos próximos seis meses são corrupção, crise econômica e escândalos políticos.

Diante do atual cenário político, a pesquisa abordou a percepção dos consumidores em relação ao atual presidente e, para 69% dos entrevistados, o Presidente Michel Temer deve deixar o cargo. Entre aqueles que são favoráveis a substituição do chefe máximo do Poder Executivo Brasileiro, 67% preferem a edição de uma PEC para eleições diretas, 19% optam pela intervenção militar e 15% por eleições indiretas. O atual Presidente do Brasil deve continuar em exercício para 31% dos entrevistados por fatores como proximidade das novas eleições, desestabilização maior da economia, falta de evidências lícitas de corrupção, descontinuação das Reformas, economia já em melhora e por ser um bom articulador político.

O otimismo em relação ao mercado imobiliário para os próximos seis meses está presente em 46% daqueles que estão procurando a casa dos sonhos e 51% dos players. A incerteza representa 40% e 37%, respectivamente.

Os consumidores (76%) e os profissionais do mercado imobiliário (46%) acreditam que os preços de imóveis atuais estão altos, segundo a pesquisa realizada pelo VivaReal. No entanto, 55% dos consumidores e 66% dos corretores/imobiliárias apostam na estabilidade dos valores pelos próximos seis meses. “Os corretores e imobiliárias absorvem muito da percepção dos compradores, que, naturalmente, consideram qualquer preço alto. No entanto, é importante entendermos as percepções de todos, pois dados da pesquisa revelam inclusive que o setor está mais propenso a flexibilizar negociações do que esperam os consumidores no segundo semestre”, afirma Vargas. Os corretores e imobiliárias (57%) e consumidores (49%) acreditam que a flexibilização de negociação de imóveis neste segundo semestre também irá aumentar.

Fundado no ano de 2009, o E-Commerce News é um site projetado para profissionais de todas as áreas, interessados nos mais recentes conteúdos sobre o e-commerce no Brasil e no mundo.

  • Todos Fornecedores
  • Armazenamento
  • Consultoria
  • Entrega
  • Marketplace
  • Performance
  • Plataformas
    • Gestão de Anúncios
    • Atendimento ao Cliente
    • E-Mail Marketing
    • Sistema de ERP
    • Pagamento Online
    • Mídias Sociais
    • Plataforma de E-Commerce
    • Precificação Dinâmica
  • Serviços
    • Escola Especializada
    • Logística
    • Agência Especializada
    • Redirecionamento de Encomendas
  • Soluções
 
Moovin
EZ Commerce
Rakuten
Bling
Accesstage
Mailbiz
LojaMestre
E-Goi
Neoassist
DLojavirtual
Dotstore
Ciashop
Seri.e Design
GhFly
E-Millennium
Bis2Bis
Bluefoot
F1soluções
Xtech Commerce
ComSchool
Brasil na Web
Nação Digital
Trezo
E-Commerce Logística
Softvar
World Pay
Socialrocket
Mandaê
E-completo
Precode
Adena
Eccosys
Loja Integrada
Arroba
Alfa ERP
IHouse Web
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here