Afiliados: Quem são, o que fazem, para que servem?

| 14/04/2015 - 08:20 AM | Comentários (7)

marketing-de-afiliados

Vamos falar um pouco sobre Afiliados e os programas de afiliados que existem no mercado, dando foco em você, lojista. Primeiro precisamos entender o que são Afiliados, e desmistificar a relação que afiliados são apenas blogueiros.

Para você que não faz ideia o que é um Afiliado, pensa nos tradicionais representantes de vendas, que trabalham para diversas marcas e recebem no final do mês, de acordo com o seu resultado uma comissão. Afiliados são como representantes do mundo físico, mas no ambiente digital e claro com uma abordagem diferente.

A origem do marketing de afiliados surgiu de um site de conteúdo adulto chamado “Cybererotica”, onde os administradores do site pagavam comissões para quem indicava o site. Isso aconteceu lá pelos anos de 1994. Mas a forma como conhecemos hoje, foi incentivada pela Amazon, que ficou conhecida por pagar comissões para quem vendesse produtos da loja, através de links.

Pode ser afiliado qualquer um que desejar representar sua loja ou marca, divulgando links através de Blogs, sites de cupom, usuários com grandes contas no Facebook, Twitter, Youtube ou algum meio de comunicação digital, que direcione o trafego para sua loja. Mas a grande parte dos afiliados no Brasil são blogueiros e sites de cupom, por isso grande parte dos profissionais da área, falam que afiliados é “só” isso. Ledo engano.

Como muitos blogueiros ou internautas heavy users, precisam monetizar seus sites de conteúdo, encontraram essa forma de ganhar dinheiro, divulgando lojas online. Mas se você quiser divulgar algum link de loja e ganhar uma comissão sobre isso, basta se inscrever em algum programa serio de afiliados (vamos falar sobre isso ainda).

Mas por que eu deveria iniciar um trabalho com Marketing de Afiliados?

Como já falamos acima, os afiliados trabalham divulgando sua loja de acordo com o interesse dele (financeiro) e claro, de acordo com o tipo de segmento que ele trabalha, ou seja, com afiliados você pode criar campanhas específicas e segmentada. Mas o mais importante é que seu custo de aquisição pode ser mais baixo, se você trabalhar com afiliados de forma controlada e não conflitando com os demais canais de venda que você tem na sua loja. Você só paga para o afiliado depois que a venda for gerada, através do trafego gerado por ele. Esse é o melhor dos cenários, mas existem afiliados que cobram de outras formas e não somente pela conversão. Mas eu particularmente evito pagar afiliados a não ser que seja por comissão, principalmente se você é um lojista que trabalha em nichos.

Falei que prefiro pagar apenas por comissão, porque existem diversas nomenclaturas e formatos de pagamento e cobrança nos programas de afiliados. Estes formatos “diferenciados” representam as várias opções que lojistas e anunciantes têm à sua disposição para monetizarem mais facilmente o seu público-alvo. Algumas dessas nomenclaturas:

  • CPC (Custo por Clique)
  • CPA (Custo por Ação )
  • CPL (Custo por Lead válida)
  • CPM (Custo por Mil Impressões)

Porém como eu já disse para mim o melhor dos cenários é pagar por comissão, que nessas nomenclaturas se encaixam no formato de CPA.

Outro ponto importante é que um bom site de afiliado, ajuda você a melhorar seu posicionamento em SEO, caso ele esteja bem posicionado nos buscadores, gerar bom conteúdo relevante para o usuário final e etc.

Como montar uma rede de afiliados?

“Davi, você falou e falou sobre a importância e vantagem de ter afiliados no meu site, mas como eu faço para ter afiliados divulgando minha loja e meus produtos?”

Você que é lojista Rakuten, na sua plataforma tem o módulo de afiliados para montar sua própria rede de afiliados. Basta você prospectar os diversos tipos de afiliados que falei acima e tem relação com seu segmento, e cadastrá-lo na sua loja e definir uma comissão com ele. Mas existe um trabalho grande a ser feito e se você quiser adiantar isso, pode procurar empresas que já tenham uma rede de afiliados montada. Mas a vantagem de ter a própria rede de afiliados, é que você corta o custo do intermediário, tem suas vantagens e desvantagens.

Empresas especializadas nesse trabalho de gestão de afiliados são as famosas redes de afiliados. No Brasil existem várias, e vou citar as que em minha opinião são as melhores:

  • Rakuten Afiliados, antiga Linkshare (Maior Rede de afiliados dos EUA e que faz parte do grupo Rakuten, através da empresa Rakuten Marketing e já opera no Brasil)
  • Zanox
  • Cityads

Existem outras redes (boas também), mas não recomendo por serem “blinds”, ou seja, você inicia um trabalho com essas redes e não tem acesso para saber quem são os afiliados, relatórios e etc. Basicamente você vai confiar na rede e esperar que façam um bom trabalho. Porém nessas três redes que citei (porque trabalhei com elas e tive resultados satisfatórios para ótimo), você tem acesso a diversos relatórios, pode entrar em contato com seus afiliados e criar campanhas especificas para cada um ou grupo de seu interesse.

Basicamente em todas as redes você pode encontrar afiliado de tudo quanto é tipo, como já falamos lá no começo do texto. Desde sites de cupom de desconto, até portais que aproveitam a sobra de audiência e monetizam por CPA ou um CPM mais barato. Até pessoas comuns que querem monetizar suas contas em redes sociais com divulgação de ofertas e etc.

Basicamente o que me faz escolher entre uma ou duas redes, é a transparência e o valor que eles cobram. Sim essas redes cobram uma % (algumas cobram fee mensal também) da comissão que você está disposto a pagar para o resultado do afiliado, isso porque ele tem um custo para fazer essa captação e gestão de toda rede, em média essas redes ficam com 30% da comissão que você se dispõe a pagar. Vantagem da rede de Afiliados é que eles realizam o pagamento das comissões por você, tirando o trabalho de pagar afiliado por afiliado, você apenas fecha todas as vendas geradas no período através desse canal, e calcula a comissão final a ser paga para a rede, essa rede distribuir a quantia da comissão que cada afiliado gerou para sua loja.

Em um próximo texto, vou falar sobre que tipos de ações e como fazer a gestão da sua rede de afiliados.

Agora que você já sabe um pouco como funciona o Marketing de afiliados, está esperando o que para acrescentar esse importante canal de vendas na sua loja?

Tags: , , , ,

Categoria: Cases

Sobre Davi Frate: Formado em Administração pela PUC-SP, é apaixonado por e-commerce, marketing digital e tecnologia, tem mais de 6 anos de experiência nas respectivas áreas. Atuou em grandes e-commerces como Tricae e Meu Amigo Pet, atualmente é consultor de e-commerce na Rakuten. Ver mais artigos deste autor.

  • Todos Fornecedores
  • Plataformas
    • Atendimento ao Cliente
    • E-Mail Marketing
    • Sistema de ERP
    • Pagamento Online
    • Mídias Sociais
    • Plataforma de E-Commerce
  • Serviços
    • Escola Espelicializada
    • Logística
    • Agência Especializada
    • Redirecionamento de Encomendas
 
Moovin
EZ Commerce
Jet
Rakuten
Bling
Accesstage
Vtex
Mailbiz
Viewit
LojaMestre
Braspag
E-Goi
Neoassist
Tray
DLojavirtual
Dotstore
Ciashop
Seri.e
Akna
Web Jump
GhFly
E-Millennium
Bis2Bis
Bluefoot
F1soluções
Enviou
Xtech Commerce
ComSchool
Brasil na Web
Nação Digital
E-Commerce Logística
Trezo
Softvar
Nuvem Shop
Qwintry
 

Comentário (7)

Trackback URL | Comentários RSS Feed

  1. Jader Silva disse:

    Olá,

    Texto muito interessante. Aguardo o próximo. =)

    Jader Silva

    http://www.evoeducacao.com.br

  2. Carlos disse:

    ótimo artigo, super interessante, parabéns

    http://negociosderenda.com

  3. Jesus disse:

    Já estou aguardando o próximo,muito bom

  4. Jesus disse:

    Uma bela explicação, era o que eu estava querendo saber,obrigado

  5. João disse:

    muito interessante,muito bom saber dessas imformações

  6. Marcos disse:

    Faz tempo que eu procurava uma explicação dessas, obrigado
    curso instalador de solar de alta performance

Comente esta Matéria




Para incluir uma imagem ao lado do seu comentário, registre-se em Gravatar.